Tipos de Pensiones, todo lo que necesitas saber.

Preguntas Frecuentes → Sistema de Pensiones

MÓDULO 5 - Orientação de Pesquisa e trabalho de Conclusão de Curso


Orientação do trabalho de conclusão de curso: Orientação para a elaboração do Trabalho Final do Curso. Validação do problema, objetivo, metodologias e referencial teórico. Apresentação da versão preliminar da estrutura do texto final. Apresentação do Artigo Final, resultado da pesquisa de Conclusão do Curso de Especialização.




MÓDULO 2 - Exames Laboratoriais e Perfis de Autismo


Plano de Investigação e Diagnóstico Diferencial Direcionando a base de tratamento e evitando erros de conduta através da investigação para doença celíaca, encefalite autoimune, PANS, PANDAS, epilepsia, TOC, deficiência intelectual, TME, TDA/H, esquizofrenia, Síndrome de Landau-kleffner, Síndrome de Rett, Síndrome do X-Frágil e Síndrome de Tourette Exames Laboratoriais Solicitação e interpretação detalhada de exames laboratoriais iniciais, secundários e de imagem de acordo com a clínica e sequência otimizada. Hemograma, Homocisteína, Insulina, Hepatograma, Ferritina, Cinética do Ferro, VHS, Lipidograma, FAN, Fator Reumatóide, IgA total, IgA tTG, IgG DGP, TNF-a, IL6, - Proteína C reativa, ACTH, ADH, Cortisol, Zinco, Cálcio, Magnésio, Fósforo, Selênio, Cobre, Vitaminas A, E , C, B12, B6, Ácido Fólico, 25(OH) Hidroxivitamina D, 1,25(OH) Hidroxivitamina D, Aldolase, Calprotectina, Acilcarnitinas, Lactato, Piruvato, dentre outros. Exames especiais: Mineralograma capilar, polimorfismo genético, sensibilidade alimentar, exames salivares, coprológico funcional, ácidos orgânicos, ressonância magnética do crânio com espectroscopia de prótons, VEEG, PSG, Cromatografia de Aminoácidos, Swab de orofaringe, dentre outros. Perfis de Autismos Identificação dos perfis de autismos de acordo com a clínica e leitura dos exames laboratoriais. Perfil Intestinal, Perfil Alérgico (padrão TH2), Perfil Endócrino, Perfil Infeccioso, Perfil Autoimune, Perfil Hipometilador, Perfil Metilador, Perfil Mitocondrial, Perfil Inflamatório e Perfil Sindrômico.




MÓDULO 3 - Disfunção Neurogastrointestinal e Intervenções Nutricionais no Autismo


Fundamentos da Neurogastroenterologia: Compreensão do eixo microbiota - intestino - cérebro e do sistema nervoso entérico. Detalhamento tanto das manifestações neurológicas ocasionadas por distúrbios gastroenterológicos, quanto das manifestações gastroenterológicas resultantes dos distúrbios neurológicos. A relação completa do autismo com o intestino e modulação da microbiota intestinal. Bioquímica e Fisiologia das Intervenções Nutricionais Estudo das necessidades dietéticas dos indivíduos no transtorno do espectro autista e sua relação com sintomas, comportamento e aprendizado. Conceitos gerais de nutrição, fisiologia e bioquímica. Como os nutrientes se relacionam às vias bioquímicas e metabólicas. A atuação do nutricionista na seletividade alimentar. Estratégia Nutricional Individual Conduta, prescrição e manejo de Distúrbios Alimentares, discussão de métodos de anamnese e ferramentas de avaliação inicial. Como identificar alterações nutricionais e apontar fatores de risco ambientais relacionados com a prevalência do TEA. Alergia mediada por IgE, Alergia mediada por IgG, Desordens relacionadas ao Glúten (Doença Celíaca, SGNC, Ataxia glúten induzida, DH, Alergia ao trigo). Leaky Gut e a via da zonulina, caseomorfina e gluteomorfina. Apresentação das principais condutas dietoterápicas individualizadas, dieta cetogênica, anti-fúngica, baixo oxalato, fodmap, rotação / eliminação, body ecólogo, Feingold, Dieta do Carboidrato Específico, Baixa histamina, GAPS.




MÓDULO 4 - Guidelines para a Abordagem Individualizada no Transtorno do Espectro Autista


Guidelines para o Tratamento e Diagnóstico Diferencial: Estratégias da abordagem ortomolecular e integrativa em que todas as comorbidades possam ser tratadas e diagnósticos diferenciais sejam feitos. O que fazer primeiro, o passo a passo para otimizar o tratamento e o prognóstico do paciente. A sequencia ideal de tratamento para evitar erros de conduta, uso desnecessário de medicamentos. Guia de suplementação magistral e importada. Tratamento para os Sintomas do TDAH: Investigação e tratamento dos sintomas relacionados ao transtorno do deficit de atenção e/ou hiperatividade que possam estar relacionados à nutrição (em especial ao consumo de alimentos pró-inflamatórios), distúrbios biológicos, imunológicos e inflamatórios. Substâncias anti-nutricionais e a relação com os sintomas de TDAH. Brain fog e a relação com o glúten. Opções naturais para o TDAH: uso de adaptógenos, fitoterápicos, nutracêuticos, acupuntura, exercício físico com foco na redução da necessidade medicamentosa. Protocolos Especiais no Autismo: Avaliação e base científica de protocolos desenvolvidos para atuação na área nutricional, hormonal, bioquímica, imunológica, neurológica e inflamatória. As possibilidades de aplicações como forma complementar para o tratamento dos diferentes sistemas que podem estar comprometidos no autismo




MÓDULO 1 - Base científica, Bioquímica e Fisiopatologia do autismo


Visão ampliada do Diagnóstico de Autismo A história do diagnóstico do autismo até os dias de hoje, como fazer o diagnóstico precoce o o que é intervenção precoce. Ferramentas de Diagnóstico, o uso da DSM-V, CID-10 e CID-11. Fatores de risco para o autismo. Diagnóstico de autismo em crianças, adolescentes e adultos. Fisiologia, Bioquímica e as causas do Autismo Sinais e sintomas precoces de autismo, sinais de alerta, os primeiros 1100 dias mais importantes na saúde infantil. Biologia celular, bioquímica e a fisiopatologia do autismo. Genética, epigenética, fatores ambientais, polimorfismos genéticos como MTHFR, MTR, MTRR, CBS, COMT, MAO, VDR, SUOX, estresse oxidativo e processo inflamatório crônico, permeabilidade intestinal, neurotoxicidade x neuroplasticidade. Comorbidades no Autismo Entendendo as comorbidades presentes no autismo com repercussões neurológicos: distúrbios no trato gastrointestinal, esofagite eosinofílica, seletividade alimentar, SIBO, disbiose e doença inflamatória intestinal. Disfunção mitocondrial, distúrbios imunológicos, alergias e sensibilidades alimentares, distúrbios endócrinos, sensoriais e musculoesquelético, doenças infecto-parasitárias e as repercussões na sintomatologia do autismo: ansiedade, transtorno obsessivo compulsivo, depressão, insônia, epilepsia, TDAH, agressividade e auto-agressão





  • Pensiones Invalidez - Facebook
Asesorar humana y técnicamente a personas en vías de pensionarse con el propósito de conseguir la mejor pensión que el sistema les pueda ofrecer de acuerdo a sus circunstancias y objetivos personales.
Nuestra Misión
Pensiones-Invalidez-isotipo-blanco.png